Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Alunos e servidores foram imunizados em campanha contra o Sarampo no câmpus
Início do conteúdo da página
VACINAÇÃO

Alunos e servidores foram imunizados em campanha contra o Sarampo no câmpus

Criado: Quarta, 27 de Novembro de 2019, 11h29 | Última atualização em Terça, 17 de Dezembro de 2019, 14h13

40 pessoas foram vacinadas na segunda e terça-feira

imagem sem descrição.

Na última segunda e terça-feira, dias 25 e 26 de novembro, as professoras Thaís Augusto Marinho e Louise Amália de Moura, juntamente com os discentes do curso Técnico em Enfermagem do IFG Câmpus Goiânia Oeste, imunizaram 40 pessoas, entre alunos e servidores, na Campanha de Vacinação contra o Sarampo no câmpus. A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo iniciou no mês de outubro e encerra-se nesse sábado dia 30 de novembro. Nessa segunda fase da campanha, o foco foram os adultos jovens de 20 a 29 anos, porém, a população de seis meses a 49 anos de idade também pode e deve vacinar.

“É muito importante trazer a Campanha contra o Sarampo para dentro do câmpus para que os nossos alunos entendam que estamos vivendo um momento de surto no país, que o Sarampo é uma doença que está acometendo e até levando a óbito crianças e adultos jovens. Essa faixa etária que está sendo oportunizada a vacina nessa segunda fase da campanha, jovens adultos de 20 a 29 anos, precisam ter essa consciência porque muitos deles ou não foram vacinados na infância contra as três doenças da tríplice viral ou receberam apenas uma dose, porque hoje acontece o esquema de duas doses até os dois anos de idade. Então, a gente vê que eles precisam completar o sistema vacinal conforme o Ministério da Saúde indica e muitas vezes eles nem sabem que não estão com a vacinação em dia. Dedicamos um dia da vacinação para os alunos do período noturno, principalmente para os discentes do curso superior de Licenciatura em Pedagogia, que são em sua maioria adultos jovens. Como eles não são de um curso da área da saúde, eles não têm acesso a tantas informações e a campanha é uma oportunidade não somente de imunizá-los, como de informá-los também”, explicou a professora Thaís Augusto Marinho.

De acordo com a professora, como os alunos do último ano dos cursos técnicos integrados em Análises Clínicas, Nutrição em Dietética e Vigilância em Saúde  fazem estágio na área da saúde, todos eles já estavam com a vacinação em dia. Thaís ressaltou ainda a importância da realização da campanha no câmpus para a formação dos alunos do curso Técnico em Enfermagem do IFG Câmpus Goiânia Oeste: “É uma parceria muito construtiva, porque a Secretaria Municipal de Saúde lucra com essa parceria imunizando pessoas que talvez ela não alcançaria nos postos de saúde e o IFG Câmpus Goiânia Oeste também é beneficiado porque os alunos aprendem a lidar com a ação de campanha, aprendem a preencher o cartão de vacina, a aprazar as próximas doses, a orientar aqueles que não precisam vacinar, a vacinar dentro da técnica correta, da técnica asséptica e adequada de aplicação da vacina, aprendem a lidar com a vacina de vírus vivo atenuado, os cuidados necessários na triagem, porque nessa campanha mesmo gestantes e pessoas com imunossupressão não podiam ser vacinadas. Esse aprendizado é muito rico para os alunos, porque eles têm essa vivência na teoria em sala de aula, mas a oportunidade com vacinas em estágio é muito curta, ao trazer as campanhas de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde para o câmpus podemos privilegiar a comunidade acadêmica que pode participar sem precisar se deslocar para um posto de saúde e ao mesmo tempo proporcionar todo esse aprendizado para os nossos alunos do curso Técnico em Enfermagem”.

Coordenação de Comunicação Social/IFG Câmpus Goiânia Oeste

Fim do conteúdo da página