Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Painéis com fotos antigas proporcionam passeio pela história do Câmpus Goiânia
Início do conteúdo da página
Patrimônio

Painéis com fotos antigas proporcionam passeio pela história do Câmpus Goiânia

Os três novos quadros plotados nas paredes do bloco administrativo resgatam a história da Instituição

  • Criado: Terça, 02 de Maio de 2017, 16h22
  • Última atualização em Sexta, 09 de Junho de 2017, 14h45
imagem sem descrição.


Em comemoração aos 75 anos do IFG-Câmpus Goiânia, celebrado em 5 de julho, painéis recentemente instalados no prédio administrativo mostram à comunidade registros fotográficos, que resgatam a história da unidade. Os painéis integram a campanha em prol da preservação da memória e do patrimônio“Eu Curto e Cuido”, promovida pela Coordenação de Comunicação Social do Câmpus Goiânia.
Para conferir os registros, os transeuntes podem começar o passeio ainda no térreo, próximo ao elevador, onde está disponível uma linha do tempo, que mostra fotos e documentos em preto e branco da época da Escola de Aprendizes Artífices (1909), quando a Instituição foi criada em Vila Boa, na antiga capital do estado de Goiás. Ao longo da linha cronológica, as fotografias ganham cores à medida que a história da Instituição evolui: passando pela Escola Técnica de Goiânia (1942), Escola Técnica Federal de Goiás (1965), Centro Federal de Educação Tecnológica de Goiás (1999) até chegar ao IFG – Câmpus Goiânia (2008).

No primeiro andar do prédio administrativo, o painel de pouco mais de quatro metros de altura impressiona pelos detalhes expostos na fotografia da fachada da antiga Escola Técnica de Goiânia, em preto e branco. A imagem reflete o passado da Instituição, que surgiu concomitantemente às festividades do Batismo Cultural de Goiânia, em 5 de julho de 1942.

Por fim, no último andar, o público confere mais um ângulo do passado histórico do IFG – Câmpus Goiânia, com destaque para o pórtico até hoje existente no câmpus, no painel situado próximo à sala da Direção-Geral. Tanto o pórtico quanto parte do prédio foram tombados pelo Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (Iphan), em 2003, como um bem isolado e edifício público que compõe o acervo arquitetônico e urbanístico Art Déco da cidade de Goiânia. Além desse reconhecimento nacional, o prédio do IFG – Câmpus Goiânia também foi tombado como um dos 24 bens culturais materiais de Goiânia, conforme Decreto nº 4.943, de 31 de agosto de 1998, expedido pelo Governo de Goiás, por meio da Fundação Cultural Pedro Ludovico.

“A proposta com os novos painéis foi fazer o resgate histórico da nossa Instituição. Temos muitos alunos chegando à Instituição e servidores novos que não conhecem a história dessa Instituição. Então, a idéia é justamente mostrar quando surgiu o Instituto, as várias transformações que ocorreram ao longo dos anos, tudo isso a partir de fotos e textos explicando cada época”, esclarece o Diretor-Geral do Câmpus Goiânia, Alexandre da Silva Duarte. Segundo ele, é preciso que toda a comunidade acadêmica se sinta responsável pela preservação do patrimônio da unidade.

 

#EuCurtoeCuido

Para dar início as comemorações do aniversário de 75 anos do Câmpus Goiânia, marcado para 5 de julho, a Coordenação de Comunicação Social lança a campanha hashtag #EuCurtoeCuido. A proposta é a de que a comunidade solte a criatividade e faça seus próprios registros dos espaços que mais curtem no câmpus.


A temática da campanha visa à valorização do patrimônio histórico, arquitetônico e cultural do Câmpus Goiânia, a partir do olhar da comunidade, bem como tem por objetivo estimular a produção, a divulgação de fotos feitas pela comunidade, e promover a interação entre o público e a Instituição.
Os registros a serem clicados são de livre escolha, podendo ser desde os novos painéis ou mesmo outros ambientes no câmpus que despertem sentidos associados à história, memória e preservação da unidade. Os cliques fotográficos deverão ser publicados pelos autores em seus perfis pessoais nas redes sociais digitais, de modo público, para que, a partir da pesquisa pela hashtag #EuCurtoeCuido, as fotos possam ser replicadas num álbum na página do IFG – Câmpus Goiânia do Facebook.

Coordenação de Comunicação Social do IFG/Câmpus Goiânia.
 

Fim do conteúdo da página